Cinco mitos sobre a energia solar

Então você acha que entende de energia solar? Pense de novo.

Mito #1. A energia solar não gera eletricidade suficiente.

A energia solar é agora integrada e contribui para redes de eletricidade em todo o mundo. Mundialmente, as instalações solares cresceram cerca de 30% em 2015, e a indústria está em uma tendência ascendente. Texas, Colorado e outros estados dos EUA integraram com êxito a energia solar e outras energias renováveis a tal ponto que em determinadas épocas do ano, mais de 50% de sua eletricidade pode provir de fontes renováveis.

Mito #2. A energia solar é cara.

Não mais. A solar se tornou muito acessível. O custo de tecnologia solar diminuiu drasticamente — em até 80% desde 2007 — e deverá ficar ainda mais acessível. Em lugares ensolarados, a eletricidade gerada por energia solar está se tornando mais barata do que a eletricidade de outras fontes.

Mito #3. A energia solar funciona somente em dias ensolarados.

Negativo. A energia solar pode ser uma fonte de energia confiável, mesmo com tempo nublado e no inverno, desde que haja alguma luz solar. E a eletricidade gerada em empresas e residências pode ser compartilhada com as redes de energia em troca de créditos de energia, utilizados quando os usuários consumirem energia da rede elétrica depois do entardecer. A eletricidade também pode ser armazenada fora da rede. Tecnologias de armazenamento estão se tornando cada vez mais eficientes, com capacidades de armazenamento maiores.

Mito #4. Os painéis solares são de difícil manutenção.

Pelo contrário, não há partes móveis que requerem reparo, e painéis solares são duráveis e de longa duração. As tempestades de granizo não representam um problema. A maioria das empresas oferece garantias de 25 a 30 anos porque os painéis solares são confiáveis e de muito baixa manutenção.

Mito #5. A energia solar não é rentável.

A energia solar se tornou competitiva em termos de custo em comparação com o carvão e outras fontes de energia poluentes. Essa é uma razão pela qual 2015 registrou um aumento de 16% da capacidade de energia solar instalada em relação a 2014. A Associação das Indústrias de Energia Solar afirma que a energia solar está crescendo a um ritmo recorde* nos Estados Unidos. A Califórnia domina o mercado de energia solar nos EUA, mas outros estados estão agilizando a instalação dessa fonte alternativa, particularmente Massachusetts, Nova York e Texas.

Esses são os mitos. Agora alguns fatos.

A energia solar está criando muitos novos postos de trabalho. Somente nos Estados Unidos, mais de 200 mil postos de trabalho estão relacionados à energia solar — três vezes mais em comparação ao setor de carvão. Esse número deverá duplicar até 2020.

O uso generalizado de energia solar reduzirá drasticamente a poluição do ar, proporcionando benefícios sanitários e econômicos. A tecnologia solar pode eletrificar comunidades afastadas e de baixa renda sem precisar recorrer à dispendiosa infraestrutura de rede elétrica. É por isso que os governos da China, da Índia e dos EUA, e muitos mais, estão investindo fortemente em tecnologias solares.

A ampliação do uso de energia solar e outras fontes de energia renovável é essencial para cumprir as metas climáticas de manter o aumento da temperatura global bem abaixo dos 2 graus Celsius, conforme descrito no acordo de Paris.

Fonte: Share America

, ,