Café da manhã deve representar 25% das calorias totais diárias

Comentários desativados em Café da manhã deve representar 25% das calorias totais diárias

Pular o café da manhã não é saudável. O hábito pode diminuir riscos de obesidade e diabetes.

café

Muita gente acorda sem fome e acaba pulando o café da manhã, mas esse hábito não é saudável. Estudos mostram que se uma pessoa que toma café da manhã habitualmente pular essa refeição, o organismo sofrerá alterações metabólicas desfavoráveis. Quando essa pessoa fizer a próxima refeição, terá maior pico de glicose e insulina, mais gordura circulante e menor secreção de hormônios de saciedade, podendo comer mais. Outro estudo mostra que isso ocorre em pessoas que tomam café da manhã sempre. Quem não tem o hábito não sofre essa alteração.

Qualquer pessoa, independentemente da idade, tem que consumir no café da manhã 25% da caloria diária. Tomar o café da manhã todos os dias pode diminuir os riscos de obesidade, diabetes e doenças cardiovasculares.
O Bem Estar desta segunda-feira (31) convidou o nutrólogo e pediatra Mauro Fisberg e a endocrinologista Sandra Villares para darem dicas de como montar um café da manhã prático, rápido e saudável.

Muita gente acorda sem fome e acaba pulando o café da manhã, mas esse hábito não é saudável. Estudos mostram que se uma pessoa que toma café da manhã habitualmente pular essa refeição, o organismo sofrerá alterações metabólicas desfavoráveis. Quando essa pessoa fizer a próxima refeição, terá maior pico de glicose e insulina, mais gordura circulante e menor secreção de hormônios de saciedade, podendo comer mais. Outro estudo mostra que isso ocorre em pessoas que tomam café da manhã sempre. Quem não tem o hábito não sofre essa alteração.

Se os pais não tem o hábito de tomar o café da manhã, os filhos podem seguir o mesmo caminho. O hábito traz benefícios para as crianças: aumenta o rendimento escolar, melhora a capacidade de resolver problemas, melhora a concentração e a memória.
Os especialistas lembram que o café da manhã deve ser dividido:
– Uma fonte de carboidrato (pão, torrada, cereal, biscoito);
– Uma fonte de proteína (queijo branco, muçarela, peito de peru, presunto, requeijão, iogurte, leite)
– Uma fonte de vitaminas e minerais (frutas).
O ideal é consumir pelo menos uma fonte de proteína e carboidrato. O carboidrato dá energia e a proteína saciedade.

Fonte: Bem-Estar