Especializações

  • Generalistas:
    • Os chamados doutores incluem ambos os “médicos” e os médicos osteopatas. Esses profissionais geralmente se especializam na prática da medicina familiar ou medicina interna. Veja médico (MD) e doutor em osteopatia.
    • Enfermeiro Profissional, inclui prática avançada de enfermagem para a execução dos cuidados primários. A profissão inclui os enfermeiros de família, os especializados em pediatria, os especializados em adultos e em geriatria.
    • A profissão de auxiliar médico prepara profissionais para os cuidados primários na prática familiar.
  • Os especialistas voltados para os cuidados primários em mulheres incluem:
    • Ginecologista/Obstetra: médico especializado em obstetrícia e ginecologia, incluindo os cuidados com mulheres saudáveis.
    • Profissão de Enfermeira Obstetra certificada (EOC) – especialização avançada em enfermagem voltada para a saúde da mulher, incluindo pré-natal, parto e nascimento e cuidados pós-parto da mulher, em circunstâncias de gestação “normal”.
    • Enfermeiras profissionais (prática avançada de enfermagem) preparadas em programas específicos voltados para a saúde da mulher, incluindo problemas ginecológicos comuns, exames ginecológicos de rotina e triagem (tais como exame de Papanicolaou) e planejamento familiar.
  • Áreas de cuidados primários aonde os pacientes freqüentemente procuram diretamente por cuidados especializados:
    • cuidados visuais: oftalmologista ou optometrista.
    • cuidados com a saúde mental: psiquiatras, psicólogos, assistentes sociais ou enfermeiro especializado em saúde mental/psiquiatria.
  • Cuidados Especializados (Subespecialidades)

As áreas comuns de especialização para as quais o paciente é encaminhado pelo profissional de cuidados primários são:

  • Anestesiologia:anestesia geral ou espinal para cirurgias e algumas formas de controle da dor
  • Cardiologia: distúrbios cardíacos
  • Dermatologia: distúrbios da pele
  • Endocrinologia: distúrbios metabólicos e hormonais
  • Gastroenterologia: distúrbios do sistema digestivo
  • Cirurgia geral: cirurgias comuns envolvendo qualquer parte do corpo
  • Ginecologia/ Obstetrícia: gestação, tanto normal e problemática e distúrbio do sistema reprodutor feminino
  • Imunologia: distúrbios do sistema imunológico e alergias.
  • Doenças infecciosas: infecções que afetam os tecidos de qualquer sistema do corpo.
  • Nefrologia: distúrbio dos rins
  • Neurologia: distúrbios do sistema nervoso
  • Oncologia: câncer e outras doenças malignas (as que pioram ou resistem ao tratamento)
  • Oftalmologia: distúrbios da visão e cirurgias
  • Ortopedia: distúrbios dos ossos e dos tecidos conjuntivos
  • Otorrinolaringologia: distúrbios dos ouvidos, nariz e garganta
  • Fisioterapia ou terapia ocupacional: coordena o retorno às funções adequadas em indivíduos com distúrbios muscoesqueléticos e neurológicos (tais como lesões da região lombar inferior, da medula espinal e vítimas de derrames cerebrais)
  • Psiquiatria: distúrbios emocionais ou mentais
  • Pulmonar: distúrbios do aparelho respiratório
  • Radiologia: avaliação de raio X e procedimentos relacionados (como ultra-sonografia>tomografia computadorizada e ressonância magnética)
  • Urologia: transtornos do aparelho reprodutivo masculino e distúrbios do trato urinário masculino e feminino

Leave a Reply

Your email address will not be published.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>